É o recurso da Internet, cuja tarefa consiste em recolher, analisar e propagar a informação referente ao papel importante do enxofre na nutrição de plantas.
Tempo do enxofre > Sobre o enxofre > Fontes de enxofre para as plantas

A principal fonte de enxofre para as plantas são:

Enxofre atmosférico

Após a época da industrialização na Europa e noutros países ocidentais a poluição com enxofre era tão grande que a influência nociva do dióxido de enxofre foi comparada com a influência sobre o meio ambiente das chuvas ácidas que também exercem a influência nociva sobre a saúde do ser humano. Desde então a legislação regulariza os assuntos relacionados com o uso do enxofre. A poluição com o enxofre foi reduzida; nos países ocidentais a poluição com enxofre também diminuiu consideravelmente. Entretanto esta redução resultou na deficiência de enxofre no que diz respeito a muitas culturas agrícolas. Devido ao controlo rigoroso da poluição com enxofre nalguns setores reduziu-se a presença deste elemento proveniente da atmosfera de 100 kg SO3/ha a 25 kg SO3/ha. A lixiviação das terras lavradas também foi a causa da redução do conteúdo do enxofre.

Considerando as medidas anteriores tomadas na Europa no que diz respeito à redução do uso dos fertilizantes de enxofre, isso passou a ser o fenómeno universal. A redução da poluição com enxofre segundo os dados obtidos no Reino Unido ultrapassa os planos aprovados quase a 10 anos, e o número dos setores que sofrem a deficiência do enxofre tem aumentado. A deficiência do enxofre nos países da Europa é irregular. Atualmente, por exemplo, na Europa Oriental a necessidade em uso dos fertilizantes que contêm o enxofre é mais baixa que noutros países. Mas a evolução das formas da indústria pesada nos países orientais e a necessidade de observar as normas ecológicas da Comunidade Europeia no futuro podem levar às mesmas consequências em todos os países da Europa. Ao resumir, deve-se ressaltar o crescimento impetuoso da necessidade em uso de fertilizantes de enxofre para ter a melhor colheita das culturas agrícolas, usar de forma ótima o nitrogénio e elevar a qualidade das culturas agrícolas.

Resíduos orgânicos

Antigamente dominava a opinião, segundo a qual a quantidade do enxofre desprendido durante a desintegração das substâncias orgânicas no solo não excedia 10-30 kg SO3/ha. Os estudos adicionais realizados com amostras de solos extraídas da profundidade demonstraram a presença da grande quantidade do enxofre acessível.

O enxofre está nos resíduos orgânicos em diversas formas. Por enquanto não está clara a ligação mútua entre várias partículas do enxofre orgânico nos processos transitórios. Talvez a biomassa microbiana do enxofre seja o componente mais ativo da substância orgânica do solo.

Fertilizantes orgânicos

O conteúdo de enxofre em fertilizantes orgânicos apresenta diferenças. O esterco de bovinos e suínos contém, normalmente, cerca de 1.8 kg SO3/t. Já o esterco líquido de bovinos e suínos contém cerca de 0.8 kg SO3/m3, o composto cerca de 3.8 kg SO3/t; e o excremento das aves cerca de 8.3 kg SO3/t. Durante sua conservação, o fertilizante orgânico mantém, pelo menos, 5% de enxofre acessível. A aplicação dos fertilizantes orgânicos, em níveis de 30 t/ha pode, então, garantir apenas 1.5 kg SO3/ha в доступной для сельскохозяйственных культур форме.

Fertilizantes minerais

Os fertilizantes de enxofre são classificados em três grupos:

  • - fertilizantes que contêm enxofre na forma de sulfatos;
  • - fertilizantes que contêm enxofre elementar;
  • - fertilizantes de enxofre líquidos.

Os fertilizantes do primeiro grupo incluem: sulfatos nítricos, sulfato de amônio, superfosfato simples (SSP), sulfato de potássio, sulfato de cálcio e magnésio e sulfato de cálcio. A principal vantagem destes produtos é que o enxofre tem a forma do sulfato acessível para a assimilação direta pelas plantas.

O segundo grupo inclui fertilizantes que contêm enxofre elementar e são mais concentrados. No entanto, o enxofre elementar deve passar pelo processo de oxidação para ser obtida a forma do sulfato.

O terceiro grupo inclui a ureia coberta com enxofre (SCU) e a solução de tiossulfato de amônio (ATS)

Fertilizante S %
Sulfatos nítricos 5-14
Sulfato de amônio 24
Superfosfato simples 12
Sulfato-fosfato de amônio 14-20
Sulfato de cálcio 14-18
Sulfato de potássio 16-22
Sulfato de cálcio e magnésio 22
Sulfato de magnésio (Epsom) 18
Sulfato de magnésio (Quiserite) 22
Enxofre elementar 85-100
Superfosfato triplo granulado com enxofre 18
Enxofre-bentonita 85-90